prezados cinéfilos,

A REVISTA DE PROGRAMAÇÃO,

com sinopses, programação e outras informações do Festival do Rio será distribuido nesta terça, 21 de setembro,

nos cinemas do Circuito Estação

enquanto terça não vem, a revista está disponível aqui:

http://www.festivaldorio.com.br/downloads2010/progfest2010.pdf

bons filmes, bom festival!

** **

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

onde vai ter festival?

CIRCUITO E SERVIÇO

Cinemas

Auditório BNDES

Av. República do Chile, 100 – Centro / Tel: (21) 2220-0316 – Lotação 420

Ingressos: (grátis)

Centro Cultural Justiça Federal

Av. Rio Branco, 241 – Centro / Tel: (21) 3261-2550 – Lotação 142

Ingressos: inteira R$ 12,00 / meia R$ 6,00

Cine Glória

Praça Luís de Camões, sem nº / subsolo (antiga Praça do Russel) – Glória / Tel: (21) 2556-0781 – Lotação 100

Ingressos: inteira R$ 12,00 / meia R$ 6,00

Cine Santa Teresa

Rua Paschoal Carlos Magno, 136 / Largo dos Guimarães – Santa Teresa / Tel: (21) 2222-0203 – Lotação 49

Ingressos: inteira R$ 12,00 / meia R$ 6,00

Cinema Nosso

Rua do Rezende, 80 – Lapa / Tel: (21) 2505-3300 – Lotação 57

Ingressos: R$4,00 / R$2,00

Cinemark Downtown

Av. das Américas, 500 / Bloco 17, 2º piso – Barra da Tijuca / Tel: (21) 2494-5007 – Lotação sala 1: 142

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00

Cinemaison de France

Av. Presidente Antônio Carlos, 58 – Centro / Tel: (21) 3974-6644 – Lotação 353

Ingressos: grátis

Espaço de Cinema

Rua Voluntários da Pátria, 35 – Botafogo / Tel: (21) 2226-1986

Lotação sala 1: 241 / sala 2: 217 / sala 3: 104

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00 / mostra geração R$ 4,00

Estação Barra Point

Av. Armando Lombardi, 350 / 3º andar – Shopping Barra Point – Barra da Tijuca / Tel: (21) 3419-7431

Lotação sala 1: 142 / sala 2: 143

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00

Estação Botafogo

Rua Voluntários da Pátria, 88 – Botafogo / Tel: (21) 2226-1988

Lotação sala 1: 280 / sala 2: 41 / sala 3: 66

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00

Estação Ipanema

Rua Visconde de Pirajá, 605 – Ipanema / Tel: (21) 2279-4603

Lotação sala 1: 140 / sala 2: 154

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00

Estação Vivo Gávea

Rua Marquês de São Vicente, 52 / 4º andar – Shopping da Gávea – Gávea / Tel: (21) 3875-3011

Lotação sala1: 75 / sala 2: 124 / sala 3: 89 / sala 4: 82 / sala 5: 154

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00

Instituto Moreira Salles

Rua Marques de São Vicente, 476 – Gávea / Tel: (21) 3284-7400 – Lotação 113

Ingressos: inteira R$ 10,00 / meia R$ 5,00

Leblon

Av. Ataulfo de Paiva, 391 / lojas A/B – Leblon / Tel: (21) 2461-2461

Lotação sala 2: 276

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00

Odeon Petrobras

Pça. Floriano, 7 – Cinelândia / Tel: (21) 2240-1093 – Lotação 584

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00 /

Oi Futuro – Ipanema

Rua Visconde de Pirajá, 54 / 3º andar – Ipanema / Tel: (21) 3201-3010

IngressosR$14,00 / meia R$7,00

Ponto Cine

Estrada do Camboatá, 2.300 / Ljs 149/150 – Guadalupe Shopping – Guadalupe / Tel: (21) 3106-9995

Lotação 73

Ingressos: inteira R$ 6,00 / meia R$ 3,00

Roxy

Av. Nossa Senhora de Copacabana, 945 / A – Copacabana / Tel: (21) 3221-9292 / 2461-2461

Lotação sala 1: 304 / sala 2: 305 / sala 3: 305

Ingressos: inteira R$ 14,00 / meia R$ 7,00

Cine  São Luiz 3

Rua do Catete, 311, Loja 204, Largo do Machado Telefone para contato: 21 3221-9292

Ingressos: inteira R$14,00/ meia R$7,00

Pavilhão do Festival do Rio

Centro Cultural de Ação e Cidadania

Av. Barão de Teffé, 75 – Saúde

Na programação: Jogos de cinema + SESSÃO POLULAR DA PREMIERE BRASIL (R$2,00) + debates da Première Brasil + outras atividades (no site do Festival)

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

faltam 10 dias!!!!!



São mais de 300 filmes divididos por 18 mostras, entre eles, premiados e inéditos de diretores consagrados, como  Somewhere, de Sofia Coppola, Copie Conforme, de Abbas Kiarostami, A vida durante a guerra (Life During Wartime), de Todd Solondz, A woman, a gun and a noodle shop, de Zhang Yimou, passando por diretores ainda desconhecidos por aqui, como O último sonho de Pina Bausch (Dancing dreams) de Anne Linsel e Rainer Hoffman; José e Pilar, de Miguel Gonçalves Mendes, Embargo (baseado em um conto de José Saramago), do português Antonio Ferreira, Copacabana, de Marc Fitoussi, com Isabelle Huppert e muitas outras pérolas cinematográficas que dificilmente serão exibidas de novo no  Brasil.

Além das mostras Panorama,  Expectativa 2010, Première Brasil, Première Latina, Midnight, Gay, Fronteiras, Dox, Filme Doc e Geração, pelo segundo ano, o festival programou as mostras Meio Ambiente, com filmes voltados para os temas ecológicos e  sociais e a O Brasil do Outro, e nesta edição apresenta mais duas novas mostras:

– a mostra Itinerários Únicos vai exibir 14 longas sobre artistas que de alguma forma estão presentes no inconsciente coletivo, seja na através da arquitetura, seja no simples cotidiano do indivíduo. entre eles Picasso & Braque go to the Movies, de Arne Glimcher, Jean-Michel Basquiat: The Radiant Child, de Tamra Davis, Louise Bourgeois, de Marion Cajori e Amei Wallach, Black White and Grey: a portrati of Sam Wagstaff and Robert Mapplethorpe, de James Crump.

– Web Doc – vai exibir 4 de documentários cross midia – produções realizadas na web para profusão em televisão.

A Argentina será o país homenageado, com mais de 10 das recentes produções, entre eles, Viívas sempre às quintas (Las Viudas de los Jueves), de Marcelo Pineyro, Carancho, de Pablo Trapero, Dos Hermanos, de Daniel Burman e os diretores Bruno Dumont, Jerzy Skolimowski e Amos Gitai ganham restrospectivas.

Com o objetivo de espalhar cinema por toda a cidade, o Festival vai exibir campeões de bilheteria dos últimos tempos em diversas praças e locais alternativos da cidade.

Em parceria com o  CPCB, o Festival exibe o  clássico Rico ri à toa, de Roberto Farias, em cópia totalmente restaurada, com sessão de gala no Odeon Petrobras.

O Pavilhão do Festival (localizado  no Galpão de Cultura e Cidadania) será a sede do RioMarket e ponto de encontro do público com o cinema e suas inúmeras atividades: Cine Encontro, Espaço Game, Sessões Populares da Première Brasil e Exposição Roman Polanski:

O RioMarket  2010, – área de negócios do Festival do Rio, voltada para profissionais do  audiovisual; apresenta workshops com profissionais renomados da indústria:

– O Cine Encontro é aberto ao público e tem como objetivo colocar o espectador em contato direto com quem  faz cinema, através de debates e conversas com os realizadores e  atores/atrizes dos filmes da Première Brasil, convidados internacionais de  outras mostras e com representantes do meio cinematográfico. Todas as  atividades do Cine Encontro tem entrada gratuita.

–   Espaço Games: Jogos de Cinema – jogos de filmes que viraram jogos e jogos que  viraram filmes) ultrapassando as telas do cinema para as mais diversas telas móveis.

O Espaço terá todos os consoles de vídeo game do mercado, tais como Playstation, PSP, XBOX, entre outros.
Os seguintes jogos farão parte do espaço:
Hulk, Toy Story, Shrek 3, Star Wars, Alice no País das Maravilhas, Jerichó (baseado na série de TV), entre outros.
O Espaço terá competição entre os visitantes, e é gratuito.

– a exposição Roman Polanski, – ROMAM POLANSKI ATOR.DIRETOR. A exposição fotografias da carreira do cineasta como ator, diretor e exibe 6 curtas dirigidos por ele mesmo: assassinato, dois homens e um guarda roupa, lâmpada, quando caem os anjos, sorriso e vamos arrombar a festa. De sábado 26/09 a 5 de outubro, entrada franca

Filmes inéditos, exibição de clássicos,  mostras especiais, retrospectivas, seminários, debates e encontros com  diretores e atores internacionais fazem do evento um dos mais importantes  encontros de cinema da América Latina

A lista completa dos filmes será divulgada até amanhã, quinta, 15 de setembro.

*

Festival do Rio  2010
De 23 de setembro a 7 de outubro

*

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

VENDA DE PASSAPORTES COMEÇA ÀS 23H59 DESTE DOMINGO!


para comprar:
http://www.grupoestacao.com.br

Serão vendidos passaportes de

20 ingressos – R$ 145,00 e de  50 ingressos – R$ 305,00

breve: mais filmes serão divulgados!

** **

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

agora é a hora e a vez dos docs

PREMIÈRE BRASIL – COMPETITIVA DOCUMENTÁRIOS

oito longas de documentários concorrem ao Troféu Redentor da Premiere Brasil. Para eleger o melhor filme, basta votar ao final de cada sessão. mais informações sobre onde e como, mais pra frente serão divulgadas. por enquanto, escolha seu filme ou escolha todos, pois na Premire Brasil o voto é democrático, vc pode votar nos oito!

os filmes

Positivas
de Susanna Lira

Filme-provocação que tem como principal alvo o estigma em torno da
Aids. Ao apresentar experiências de mulheres de “bom comportamento”
que contraíram o vírus de seus maridos ou parceiros fixos, o filme
desvenda o véu de silêncio e hipocrisia que assola os laços do
matrimônio. Com relatos das próprias mulheres, POSITIVAS aponta os
principais fatores responsáveis pela feminização da Aids. Apesar do

luto inicial e do preconceito que vem em seguida, elas nos mostram que viver com o HIV não é o fim. Ao contrário, pode significar uma novachance à vida e à sexualidade.

PB COMP. LONGA DOC / 78 / 2009 / Longa – DOC / Brasil

Susanna Lira Nasceu no Rio de Janeiro em 1971 e é formada em jornalismo com
especialização em documentários. Trabalhou em diversos veículos de
comunicação até se tornar sócia da Modo Operante Produções em 2004.
Dirigiu, entre outros, o documentário CÂMERA, CLOSE!, exibido no Canal
GNT, e o curta de ficção MÃOS DE VENTO E OLHOS DE DENTRO, selecionado
para o Nueva Mirada 2009 (Argentina) e Los Angeles Int’l Children’s
Film Festival 2008.

** **
Histórias Reais de um Mentiroso
de Mariana Caltabiano


com  Marcelo Nascimento da Rocha, Amaury Jr, Ed Sá, Maria Paula,
Ricardo Macchi

O documentário conta a história real de Marcelo Rocha que se fez
passar por dono da Gol no Recifolia. Comeu e bebeu de graça, foi
paparicado por modelos, atrizes, empresários e apresentadores de TV.
Foi descrito como um dos maiores malandros de todos os tempos.  Também
se fez passar por líder do PCC, músico de bandas famosas, policial,
tenente, repórter da MTV e olheiro da seleção. Baseado no Bestseller
“Vips – Histórias Reais de um Mentiroso” de Mariana Caltabiano

PB COMP. LONGA DOC / 71 / 2010 / Longa – DOC / Brasil

Mariana Caltabiano nasceu em São Paulo em 1972. Criou programas para
TV Globo. Produziu e dirigiu o longa em animação “As Aventuras de Gui
& Estopa” e as séries “Fundo do Mar” e “Bichos do Brasil,” exibidos
pelo Cartoon Network. Produziu e dirigiu o documentário “Histórias
Reais de um Mentiroso” e o longa “Brasil Animado”, o primeiro filme
brasileiro em 3-D. É autora do Bestseller “Vips-Histórias Reais de um
Mentiroso”.

** **
Santos Dumont: pré-cineasta?
de Carlos Adriano

com Entrevistas com: Charles Silver, Eduardo Morettin, Henrique Lins
de Barros, Ismail Xavier, Ken Jacobs, Laurent Mannoni, Nicole Brenez,
Paul C. Spehr, Ron Magliozzi, Solange Ferraz de Lima

Este documentário parte da descoberta e restauração de um raro e
desconhecido carretel de fotografias reproduzidas de um filme
mutoscópio, produzido em 1901, em Londres, sobre Santos Dumont
(1873-1932). A obra aborda aspectos históricos e artísticos dos
primórdios do cinema (pré-cinema, cinema de atrações) e do cinema de
reapropriação de arquivo (found footage, filme de reciclagem), por
meio de entrevistas, documentos, metáforas visuais e da articulação
própria de um ensaio poético. Transfiguração do documento, monumento à
memória do cinema, para o cinema e pelo cinema.

PB COMP. LONGA DOC / 64 / 2010 / Longa – DOC / Brasil

Carlos Adriano: São Paulo, 1966. Doutor em cinema pela USP. Retrospectivas nos
Festivais do Rio (2002), de Locarno (seção Cineastas do Presente,
2003) e Videobrasil (eixo curatorial Cinema + Artes + Vídeo, 2007).
Filmes exibidos no MoMA-NY e em Bilbao, Bologna, Chicago, Paris,
Roterdã. Projetos premiados por Petrobras e Vitae. Com Bernardo
Vorobow, editou os livros “Peter Kubelka: A Essência do Cinema” e
“Julio Bressane: CinePoética”.

** **
Solidão & Fé
de Tatiana Lohmann

Viajando com sua câmera pelo universo masculino do rodeio, uma mulher
se depara com cavaleiros andantes, heróis, gladiadores, sertanejos,
boiadeiros…o homem comum. Tentando decifrar o masculino, encontra
doçura e violência. Tem aspectos num homem que uma mulher não entende,
só contempla.

PB COMP. LONGA DOC / 86 / 2010 / DOC / Brasil

Tatiana Lohmann: Nasceu no Rio de Janeiro em 1970 e formou-se em cinema pela FAAP. Passando por sonoplastia e produção, especializou-se em montagem. Hoje
é fotógrafa, montadora e diretora, acumulando também a função de
roteirista em seus projetos pessoais. Mistura em seu currículo
documentários, videoclipes, videoarte e programas de TV (MTV e TV
Cultura), tanto como freelancer como à frente da própria produtora, a
Miração Filmes.

** **
É Candeia
de Márcia Watzl

O sambista Candeia faleceu em 1978 com apenas 43 anos. Deixou uma
obra riquíssima: partido alto, jongo e samba enredo. Representante da
Tradição afro-brasileira, era um compositor de melodias sofisticadas e
letrista apurado. Sua luta pela afirmação dos negros atravessa
diversas gerações. Em 2008 o premiado musical “É samba na veia, é
Candeia” homenageou sua vida e obra. Acompanhando os ensaios e
apresentações da peça, o documentário “É Candeia” revela a música e
trajetória do compositor, bem como a relação dos atores com sua
herança.

PB COMP. LONGA DOC / 79 / 2010 / Longa – DOC / Brasil

Nasceu em 1963 em Niterói. Formada em Cinema pela UFF, trabalhou em
diversas produtoras. Editou séries para televisão como: Além Mar,
Danças Brasileiras, 7 X Bossa, todas de Belisário Franca. Ao longo dos
anos se apaixonou pelo cinema documental,
tendo editado os filmes Fala
Tu e PQD de Guilherme Coelho dentre outros. Estréia como diretora de
longa metragem com o documentário É CANDEIA.

** **

Diário de uma busca
de Flávia Castro

O filme é um “diário de viagem” pelos países em que Celso A. Castro,
pai da diretora, foi exilado e que foram também os países da infância
de Flavia – Brasil, Chile, Argentina, Venezuela, França… Uma
trajetória nas entrelinhas da Grande História e que traz em si um
pouco do cotidiano de uma geração de militantes de esquerda dos anos
60-70  “Diário de uma Busca” esboça o movimento que começou com o
sonho e alegria de se ter um ideal político até a morte prematura de
Celso, envolta em mistérios e que Flavia tenta desvendar

PB COMP. LONGA DOC / 105 / 2009 / Longa – DOC / Brasil

Flavia nasceu em Porto Alegre, em 1965. Roteirista, trabalhou muitos
anos entre a França e o Brasil, em documentário e ficção. Em 2006,
começou a dirigir, com o curta “Cada um com seu cada qual”. Atualmente
mora no Rio, onde finaliza o roteiro de longa metragem de ficção: “A
memória é um músculo da imaginação”. DIÁRIO DE UMA BUSCA é o seu
primeiro longa metragem.

** **
Noitada de samba foco de resistência
de Cély Leal

1971. O Brasil vivia a ditadura militar. No Rio de Janeiro, Jorge
Coutinho e Leonides Bayer, iniciavam no Teatro Opinião, A Noitada de
Samba. Traziam pela primeira vez, com regularidade, para a zona sul
compositores e intérpretes dos morros e da periferia. Foram 617
espetáculos, em 13 anos, transformando aquele endereço, rua Siqueira
Campos 143, em foco de resistência política e cultural. O filme conta
esta história através de depoimentos de Alcione, Beth Carvalho, D.
Yvone Lara, Eliana Pittman, Elton Medeiros, Gilberto Braga, Martinho
da Vila, Maurício Sherman e outros.

PB COMP. LONGA DOC / 75 / 2010 / DOC / Brasil

Cély Leal: Nasceu em Salvador/BA, em 1953. Jornalista e historiadora,  participou
dos movimentos políticos e culturais desde jovem, atuando como
produtora de shows da MPB, Teatro e Cinema. Assistente de direção e
produtora de filmes. A paixão, o conhecimento e a proximidade com o
universo das Noitadas de Sambas foi o caminho natural para estrear
como diretora do filme Noitada de Samba Foco de Resistência,
registrado também em livro.

** **
Memória cubana
de Alice de Andrade e Ivan Nápoles

Através dos tesouros dos cine jornais cubanos – os Noticieros ICAIC
Latinoamericanos – o filme mostra os acontecimentos mais marcantes da
segunda metade do século XX visto pelas lentes dos documentaristas da
ilha. Dos arrepios da guerra fria aos virtuosos solos de Bola de Nieve ao
piano; da descoberta dos campos de extermínio no Camboja à Revolução
dos Cravos em Portugal… Durante três décadas e sob a direção geral do
genial documentarista Santiago Álvarez, os talentosos cineastas do
ICAIC testemunharam quase tudo.

PB COMP. LONGA DOC / 71 / 2009 / DOC / Brasil

ALICE DE ANDRADE nasceu no Rio de Janeiro, em 1964. Roteirista formada
na escola de cinema de Cuba (EICTV). Escreveu e realizou 15 filmes,
entre curta e média metragens, ficções e documentários. Em 2004, fez o
longa de ficção, O Diabo a Quatro. IVAN NÁPOLES nasceu em Havana em
1932. Trabalhou por 33 anos como Diretor de fotografia do Noticiero
ICAIC Latinoamericano e filmou mais de mil noticiários e
documentários.

** **

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário
PREMIÈRE BRASIL – COMPETITIVA FICÇÃO

nove longas de ficção concorrem ao Troféu Redentor da Premiere Brasil. Para eleger o melhor filme, basta votar ao final de cada sessão. mais informações sobre onde e como, mais pra frente serão divulgadas. por enquanto, escolha seu filme ou escolha todos, pois na Premire Brasil o voto é democrático, vc pode votar nos nove!

os filmes:

Como Esquecer
de Malu de Martino

com Ana Paula Arosio, Murilo Rosa, Natália Lage,  Arieta Corrêa, Bianca Comparato, Pierre Baitelli, Regina Sampaio, Marília Medina, Gillray Coutinho, Analu Prestes, Larissa Honorato

Júlia luta para reconstruir sua vida depois de viver intensa e duradoura relação amorosa com Antônia. Em meio a diversos conflitos internos e diante da necessária readaptação para uma nova vida, não disfarça sua dor enquanto narra suas emoções. Ao longo do filme, ela vai encontrar e se relacionar com outras pessoas que também estão vivendo, cada uma a seu modo, a experiência de ter perdido alguém importante em suas vidas.  Uma trama instigante que fala de pessoas comuns enfrentando os desafios de superar dores do passado e buscar uma nova chance de encontrar a felicidade.

2010 / Longa – FIC / 100 – PB COMP. LONGA FIC

Malu De Martino nasceu no Rio de Janeiro em 1960 e formou-se em Comunicação pela Faculdade Hélio Alonso em 1979. Em 1983 e 1984 estudou em NY na Global Village, New School, na Downtown Community Television Center, na Young Filmakers, Vídeo Arts e na New School TV Academy. Em 2001 dirigiu o média-metragem “Ismael e Adalgisa”, em 2003 o documentário ”Sexualidades” e em 2006 o longa-metragem ”Mulheres do Brasil”.

**
Riscado
de Gustavo Pizzi

com Karine Teles, Camilo Pellegrini, Otávio Muller, Dany Rolland, Lucas Gouvea, Patricia Pinho, Cecília Hoeltz, Otto Jr. Participação Especial Gisele Fróes

Qual a importância da sorte na vida? Quanto esforço e talento são necessários para garantir uma carreira sólida? A sorte é parte do riscado? Bianca é uma excelente atriz, mas sua carreira ainda não deslanchou. Como ganha pão, ela imita divas do cinema e trabalha divulgando eventos. Após fazer um teste para uma grande produção internacional, Bianca finalmente ganha o papel. Inspirado pela personalidade e o trabalho dela, o diretor do filme transforma a personagem do seu roteiro, em uma versão da própria Bianca, que será uma das protagonistas. Essa é a grande chance de sua vida?

2010 / Longa – FIC / 85 – PB COMP. LONGA FIC

Gustavo Pizzi nasceu em 1977 na cidade de Petrópolis, interior do Rio de Janeiro. Estudou na UFF e trabalha com cinema desde 1996. Entre muitos outros, é produtor dos curtas premiados “7 minutos” e “A Distração de Ivan”; Também é produtor e montador do documentário L.A.P.A. Em 2006 dirigiu seu primeiro filme de longa metragem, o documentário “PRETÉRITO PERFEITO”. Riscado é o seu primeiro longa metragem de ficção.

**
Trampolim do Forte
de Joao Rodrigo Mattos


com 1:Grande elenco infantil preparado nas oficinas Trampolim das Artes. 2.Luis Miranda, Marcelia Cartaxo; Zeu Britto

A vida nas ruas não está fácil e Felizardo (11), precisa vender seus picolés para ajudar a mãe. Num desses dias, ele cruza com Fuleirinho e sua turma. Ele se vê então numa encruzilhada entre o bem e o mal e terá que tomar uma decisão. Déo(12), é um mestre dos saltos no Trampolim. Contudo, em casa as coisas não estão nada bem e ele acaba por envolver-se numa trama perigosa, envolvendo seus amigos, a bela Tetéia (11) e o temível Verdadeiro Tadeu, o Rei das Criancinhas.

2010 / Longa – FIC / 90 – PB COMP. LONGA FIC

João Rodrigo Mattos Trabalha há 16 anos em vários gêneros de produções audiovisuais entre Brasil, Porugal, Espanha e Inglaterra. Foi assistente dos diretores Manoel de Oliveira, Mika Kaurismaki, Edgard Navarro, entre outros. Seu premiado documentário “Agostinho da Silva – Um Pensamento Vivo“ co-produção luso-brasileira, foi lançado em 2006. Há 5 anos fundou com outros sócios a DocDoma Filmes, produtora sediada em Salvador.

**
Boca do Lixo
de Flavio Frederico


com Daniel de Oliveira e Hermila Guedes Elenco Coadjuvante: Milhem Cortáz, Paulo César Pereio, Jeferson Brasil, Maxwell Nascimento, Camila Leccioli, Juliana Galdino, Claudio Jaborandi Atriz Convidada: Leandra Leal

Adaptado da autobiografia de Hiroito de Moraes Joanides, o filme retrata a atmosfera noturna da Boca do Lixo, região de postituição no centro de São Paulo nos anos 50 e 60. Oriundo de uma família de classe media alta, Hiroito frequentava a Boca apenas como boêmio em busca de aventuras sexuais, até que uma tragédia pessoal provoca uma mudança em sua vida. Seu pai é violentamente assassinado e Hiroito é acusado pelo crime. Pouco tempo depois, Hiroito compra dois revólveres e se muda para a Boca, tornando-se rapidamente um dos bandidos mais procurados pela polícia.

2010 / Longa – FIC / 100 – PB COMP. LONGA FIC

Flavio Frederico nasceu em 1969, no Rio de Janeiro. Estudou Arquitetura e Cinema na Universidade de São Paulo. Atua como diretor e produtor desde 1992. Realizou o longa metragem “Urbânia”(2001); sete curtas premiados internacionalmente (entre eles Todo dia todo, Copacabana e Ofusca),  e quatro documentários, entre eles o ganhador do Festival É Tudo Verdade 2006, “Caparaó”.

**
O Senhor do Labirinto
de Geraldo Motta


com Protagonistas: Flávio Bauraqui, Irandhir Santos e Maria Flor; Coadjuvantes: Eriberto Leão, Odilon Esteves, Rodrigo Riszla, Andrea Villela, Edlo Mendes, entre outros.

O Senhor do Labirinto conta a história de Arthur Bispo do Rosário – sergipano de origem simples, vítima de esquizofrenia, que viveu assombrado por misticismos e alucinações nas instituições psiquiátricas pelas quais passou, entre 1938 e 1989, ano de sua morte. Durante seus períodos de clausura na Colônia Juliano Moreira (Rio de Janeiro), onde viveu por 50 anos, Bispo do Rosário produziu um acervo de bordados,  estandartes e assemblages que ganharam postumamente o Brasil e o mundo com seus insuspeitos traços de arte pop contemporânea e a pungência de sua trajetória.

2010 / Longa – FIC / 80 – PB COMP. LONGA FIC

Geraldo nasceu em Pernambuco, em 1964. Mestre em Filosofia, dirigiu e co-produziu o premiado longa documental O Risco, que participou de festivais nacionais e internacionais e da agenda cultural do Ano do Brasil na França. Desde 2002 atua no mercado de filmes publicitários.
Gisella nasceu no Rio de Janeiro, em 1963. Há 25 anos no mercado cinematográfico, dirigiu e produziu os premiados curtas Celia & Rosita e Tempo de Ira.

**
Elvis & Madona
de Marcelo Laffite

com SIMONE SPOLADORE, IGOR COTRIM,  SERGIO BEZERRA, MAITÊ PROENÇA, BUZA FERRAZ, DUSE NACARATI,  JOSÉ WILKER

A motociclista Elvis (Simone Spoladore) sonha em ser fotógrafa, mas precisa trabalhar e consegue um emprego de entregadora de pizzas na Mussarela & Cia. A travesti Madona (Igor Cotrim) é uma cabeleireira que sonha em produzir um show de teatro de revista. De um encontro inusitado entre as duas, nasce uma divertida e moderna história de amor.Projeto realizado com recursos do Concurso de Baixo Orçamento do Ministério da Cultura 2006 e finalizado com patrocínio da Oi.

2010 / Longa – FIC / 105 – PB COMP. LONGA FIC

Marcelo Laffite: Nascido em 1963, em Volta Redonda, no Rio de Janeiro, ingressou no cinema como assistente de produção em Bete balanço (1984), de Leal Rodrigues. Dirigiu curtas-metragens premiados no Brasil e no exterior (Fúria, Ópera Curta, Banquete e Vox Populi) e documentáros (“Um Dia, Um Circo”, e “Regatão, O Shopping da Selva”). Elvis & Madona é seu primeiro longa-metragem.

**
Além da Estrada
de Charly Braun


com  Esteban Feune de Colombi (Santiago), Jill Mulleady (Juliette),Guilhermina Guinle (Manuela), Hugo Arias (hugo)

Sem perspectivas, Santiago, um argentino próximo de seus trinta anos, decide ir ao Uruguai conhecer um terreno deixado por seus pais, mortos tragicamente alguns anos antes. Na chegada ele encontra Juliette, uma jovem belga em busca de um amor do passado e de uma nova vida. O que parecia ser uma simples carona acaba se transformando em uma breve, porém intensa, jornada. Visitando paisagens e pessoas perdidas no tempo, eles dividem experiências que acabam por aproximá-los, numa relação de crescente afeto e ternura.

2010 / Longa – FIC / 86 – PB COMP. LONGA FIC

Formado em cinema e letras pela Emerson College, em 2000. Dirigiu o primeiro filme interativo live action da internet, 17 Life Fables. Seus curtas Quero Ser Jack White e Do Mundo Não Se Leva Nada foram exibidos e premiados em festivais, como Roterdã, Tribeca e Festival do Rio (prêmio de melhor curta para Jack White). Dirigiu o making of dos filmes O Cheiro do Ralo, Última Parada 174, e Natimorto.

**
VIPs
de Toniko Melo

com  Wagner Moura, Arieta Corrêa, Gisele Froes, Juliano Cazarre, Norival Rizzo, Roger Gorbeth João Francisco Tottene (como Marcelo criança) Participação Especial Amaury Jr e Jorge D’elia

VIPs fala de um rapaz que não consegue conviver com a sua identidade. É uma fiçção inspirada na história real do farsante Marcelo do Nascimento. Nas aventuras vividas por este intrigante anti-herói, Marcelo tem um sonho: pilotar avião. Para tanto, se torna piloto do narcotráfico. Com a vida ganha, entra no jet-set como irmão do dono da Gol, no carnaval do Recife, mas é preso. Num presídio de segurança máxima, para se salvar, finge ser um líder do PCC durante uma rebelião. Nesta reviravolta final, ressurge como Fênix, deixando-nos uma pergunta.

2010 / Longa – FIC / 100 – PB COMP. LONGA FIC

Toniko Melo começou a carreira na produtora Olhar Eletrônico, em 1982, com destaque na direção dos especiais do Ernesto Varela. A partir de 1988, atua como diretor de filmes publicitários e, em 93, começa a dirigir na O2 Filmes. Já foi 7 vezes premiado no Profissionais do Ano, e no Ojo de America e Cannes. Em 2008 dirigiu episódios de Som & Fúria para TV GLOBO, que depois gerou um premiado filme feito em co-direção com Fernando Meirelles.

**
Malu de Bicicleta
de Flávio Tambellini

com Marcelo Serrado, Fernanda de Freitas, Marjorie Estiano, Otavio Martins, Daniela Galli, Maria Manoella, Marcos Cesana

Luiz Mario é um empresário da noite paulistana, bon vivant e mulherengo
que coleciona casos amorosos. Até ser atropelado de bicicleta pela carioca
Malu, na orla do Rio de Janeiro. O casal vive um romance perfeito, que é
abalado com a descoberta de uma enigmática carta de amor. Baseado no
livro de Marcelo Rubens Paiva. Com Marcelo Serrado, Fernanda de
Freitas, Marjorie Estiano, Otávio Martins, Daniela Galli, Maria Manoella,
Thelmo Fernandes, Dani Suzuki e Marcos Cesana.
2010 / FIC / 96 – PB COMP. LONGA FIC

Flávio Tambellini: Sócio-fundador da Tambellini Filmes. Dirigiu os longas-metragens Bufo & Spallanzani (2001) e O Passageiro, Segredos de Adulto (2007), os documentários Visão do Paraíso – A Mata Atlântica vista por Tom Jobim (1989) e Paraty: Mistérios (1989) e o curta-metragem Tim Maia (1987).

*** ***
Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Nas mãos de Robert Rodriguez aconteceu… virou

MACHETE:


MACHETE
De Robert Rodriguez, Ethan Maniquis
Com Danny Trejo, Robert De Niro, Jessic Alba, Lindsay Lohan, Steven Seagal, Don Johnson

Eua / 2010 / Mostra Midnight

Depois de enfrentar Torrez, um famoso chefe do tráfico, o ex-agente federal mexicano Machete Cortez escapa para o Texas, procurando esquecer o passado. Mas lá, aceita a missão de matar o senador corrupto McLaughlin. Traído pela organização que o contratou, Machete percebe que o plano era culpar os imigrantes mexicanos ilegais pela tentativa de assassinato e com isso ganhar apoio público para o senador. Ajudado por Luz, uma sensual cozinheira de tacos, e pelo padre local, Machete parte para a vingança. Adaptado do falso trailer criado para o lançamento de Grindhouse em 2007.

Robert Rodriguez nasceu em 1968 no Texas, EUA. Quando criança, realizou diversos filmes de gênero em VHS. Em 1992, dirige seu primeiro longa, O mariachi, vencedor do prêmio de público no Festival de Sundance. Três anos depois, realiza a continuação deste, A balada do pistoleiro. Entre seus demais filmes, estão Sin City (2005), vencedor do Grande Prêmio Técnico no Festival de Cannes, e Planeta Terror (2007), parte do projeto Grindhouse, em parceria com Quentin Tarantino.

***

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário